Buscar
  • petproducaoufrn

Como fazer um bom Planejamento Estratégico e garantir o sucesso da organização



Você sabe o que uma organização precisa fazer para ter sucesso? É meio óbvio que a reposta seja atingir os objetivos. Essa resposta gera outra pergunta: como atingir os objetivos? Aliás, como definir os objetivos para poder atingi-los? Todas essas respostas têm como base um planejamento estratégico bem executado.


Partindo do significado das palavras, Planejamento Estratégico é o ato de estruturar e direcionar ações da organização para garantir uma boa posição no mercado competitivo e ter um bom retorno, seja monetário ou social, depende dos objetivos de cada organização.


Segundo dados do IBGE, a cada 10 empresas brasileiras, 6 fecham antes de completar 5 anos, resultado da falta de planejamento estratégico, fazendo com que a organização atue de forma mecânica, sem ter uma visão e análise profunda quanto a relação da empresa com o mercado competitivo.


Portanto, o primeiro passo para definir os objetivos é conhecer todos os setores da sua organização a fundo, do estratégico ao operacional. Além disso, também é importante ter ciência e entendimento sobre o mercado em que você está inserido, visto que se você não conhece os concorrentes se torna mais difícil estar à frente deles. A partir disso, é possível definir objetivos viáveis e promissores para a organização.


A execução do planejamento estratégico deve ser contínua, para que as atividades não se desalinhem com os objetivos. Sabendo disso, o setor estratégico da organização deve pensar e aplicar mecanismos que façam com que os membros atuem de forma motivada a alcançar as metas da empresa, gerando benefícios mútuos.


Vale salientar que não são apenas as grandes empresas que necessitam de um planejamento estratégico, pequenos empreendimentos ou organizações sem fins lucrativos também podem usufruir disso para criar uma vantagem quanto a sua posição. Por exemplo, abaixo estão algumas ferramentas para planejar estratégias, as quais são aplicadas pelo PET Produção UFRN, uma organização sem fins lucrativos.

1 - Missão, Visão e Valores


A Missão, Visão e Valores de uma organização é o início da análise interna, sendo estabelecida uma identidade para a organização a partir da aplicação. O papel da Missão é definir qual o comprometimento da organização com a sociedade e como isso é entregue, ou seja, é uma declaração sobre a razão da empresa ser o que é. A Visão é uma perspectiva de futuro desejável para o seu negócio, um objetivo macro com um prazo definido em que a empresa deve buscar atingi-lo. Já os Valores são elementos que guiam as ações de membros da organização e fazem parte da cultura do grupo.

2- Matriz SWOT

A matriz SWOT - Também chamada de matriz FOFA - é uma ferramenta que permite fazer uma análise interna e externa, sendo Forças (Strength) e Fraquezas (Weakness) fatores internos e Oportunidades (Opportunities) e Ameaças (Threats) fatores externos. A análise SWOT permite identificar os pontos fortes que podem ser maximizados e os fracos que podem ser melhorados, sempre estando atento aos fatores externos, os quais a organização não têm controle, mas pode se adaptar às situações, garantindo uma boa posição no mercado. Para uma boa análise, a matriz precisa ser preenchida sincera e específica.



3 – Matriz BCG

A matriz BCG foi criada pelo Boston Consulting Group e permite classificar os produtos ou serviços de uma empresa com relação a sua participação no mercado e o potencial de crescimento, sendo dividido em 4 tipos.


Em questionamento – Baixa participação no mercado e alto potencial de crescimento;

Estrela – Alta participação no mercado e alto potencial de crescimento;

Vaca leiteira – Alta participação no mercado e baixo potencial de crescimento;

Abacaxi – Baixa participação no mercado e baixo potencial de crescimento.


Na análise da matriz BCG também há uma relação com o investimento em cada produto ou serviço, visto que, os produtos com maior potencial de crescimento necessitam de mais investimento e os produtos com maior participação no mercado geram mais retorno positivo a empresa.



4– Metas


As metas são basicamente a definição de objetivos específicos para que a partir da sua conclusão se alcance objetivos macros. É importante que as metas estabelecidas sejam viáveis e estejam alinhadas com todo o planejamento estratégico da organização. Não vale a pena escolher metas absurdas que provavelmente não serão batidas, assim como não vale a pena as metas que não representam um avanço da equipe. Ademais, é importante que as metas sejam acompanhadas ao longo do prazo para garantir que será cumprida, independentemente do método escolhido.


Além dessas, há outras ferramentas de planejamento estratégico que podem ser aplicadas simultaneamente. Quanto mais informações e análises, melhor será o resultado. O importante é que todas as análises das ferramentas sejam feitas em conjunto, pois são complementares.


Caso tenha se interessado sobre o assunto, no dia 21 de maio de 2021 o PET Produção UFRN publicará um e-Book sobre planejamento estratégico apresentando essas e outras ferramentas de forma mais detalhada e com exemplos práticos.


O esforço no fracasso de uma organização é maior que o esforço para garantir o seu sucesso, então, faça proveito do seu conhecimento e procure ter uma organização com estratégias bem planejadas.

57 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo